Pular para o conteúdo principal

: Erros e acertos das famosas acima do peso :

Estilo e bom senso são características que independem do peso ou do número do manequim e, com alguns segredinhos mágicos, as mulheres mais cheinhas podem encontrar ótimas maneiras de disfarçar os quilinhos a mais.
A atriz Melissa McCarthy, da minissérie Mike & Molly, recentemente declarou que pretende lançar a sua própria linha plus size, depois de ter que contratar uma costureira para confeccionar o vestido que usou na noite da cerimônia do Emmy Awards. "Tentar encontrar coisas 'fashion' no meu tamanho é praticamente impossível", afirmou na ocasião ao jornal Daily Mail.
Por outro lado, enquanto existem poucas opções no mercado para as mulheres "tamanho GG", os especialistas em moda indicam uma série de dicas que podem ajudar neste sentido, disfarçando as partes mais salientes e valorizando o que elas têm de melhor. Confira algumas delas abaixo e, na aba de fotos, veja quem errou e acertou entre as famosas.

 
Fotos divulgação






Legging: a legging, segundo personal sytlist Camila Almeida, deve ser sempre combinada com blusas mais larguinhas, para que a roupa não fique toda muito colada ao corpo.
Estampas: evitar linhas horizontais, estampas muito grandes e arredondadas; é possível usar estampa, mas, de preferência, as mais miudinhas.
Cores: de acordo com a personal stylist Marcia Jorge, favorecem os tons fechados como vinho, marinho, preto, verde militar, verde musgo e marrom, etc. "Aposte em looks monocromáticos, ou tons próximos, porque tudo isso alonga", indica. A sytlist Camila Almeida completa, mas lembra que as mulheres mais cheinhas não precisam ficar escravas da cor preta. "Use o preto na parte do corpo que você quer esconder mais. Por exemplo, se tem as coxas grossas e o bumbum grande, pode usar o preto na parte de baixo e, em cima, investir em alguma outra cor."
Decotes: os decotes que devem ser evitados são canoa, gola alta ou gola rolê, porque não são profundos. De acordo com Camila, os mais indicados são as golas carecas, decote princesa, e em "V".
Sapatos: Marcia afirma que sapatos com coleira, aqueles com uma tira grossa na canela, devem ser evitados, por que achatam a perna. "O mesmo vale pra botinha, como ankle boot. Se quiser usar, tem que evitar o contraste, por exemplo, usando uma meia preta com sapato preto." O salto agulha também não é indicado, segundo a especialista, porque briga com a proporção da batata da perna.
Tamanho das roupas: "De um modo geral, as gordinhas devem fugir de peças muito justas, que marquem demais o corpo. O ideal são roupas do tamanho certo, do tamanho do corpo", ressalta Marcia.
Sinal vermelho: a stylist Camila lembra que o comprimento da saia e do vestido deve sempre acompanhar a linha do joelho, para não cortar a silhueta ao meio. "Também é legal usar casaquinhos ou blusas com manguinhas, evitando as regatas." Tecidos muito encorpados, como neoprene, blusas de lã ou linho muito grossas, blazers não cinturados, barriga de fora e minissaia também estão na lista negra para as mulheres mais cheinhas.

 Vejam alguns exemplos;

foto divulgação

Neste look, o principal erro foi o exagero na região do colo. "Além dos inúmeros colares, tem a gola para fora, o top e a camisa. É muita informação para a área do busto", explica Marcia. "Além disso, ela escolheu uma calça que afunila embaixo, então dá a impressão que o quadril dela é maior". Atenção também para as ombreiras: mulheres mais cheinhas têm que tentar tirar ou diminuir este item nas roupas, para não causar a impressão do ombro mais largo.

foto divulgação
 A atriz Melissa McCarthy, do seriado Mike and Molly, acertou na escolha da estampa, porém, cometeu alguns erros no modelo do vestido. "As linhas verticais na altura do busto ajudam a alongar a silhueta, mas a faixa embaixo dos seios não é indicada para quem muito busto, porque deixa o corpo sem forma, sem cintura", explica Marcia. Outra dica para deixar este visual mais leve, segundo a stylist, seria o cabelo preso, que tiraria um pouco de informação da parte de cima.

foto divulgação

 O modelito escolhido pela cantora Alcione acabou chamando muita atenção para a barriga, seios e braços, na opinião da stylist Camila. "É uma roupa larga que está deixando ela totalmente sem cintura. O tecido também não ajuda muito, o cetim, que é brilhante e também chama atenção, além de não combinar com o de baixo, que é mais claro. 

Fonte: Terramoda

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

:: A moda pede coletes, saiba como usar o seu! ::

Olá meninas, uma das tendências deste inverno, são os coletes, pode-se dizer que seja um acessório, que vai dar aquele "tchan" na sua roupa, mas é claro, precisamos saber como combiná-los com certas roupas e principalmente com o nosso tipo físico, vamos lá?!

Não importa a época que se encontra, os coletes sempre vão bem ao look feminino, para dar uma realçada no visual e deixar personalizado. Mas cuidado na hora de escolher a cor e corte, por isso hoje daremos algumas dicas de como usar coletes.

 Há coletes para todos os gostos e estilos, podem ser usados com peças básicas como regatas e cores neutras, camisas e vestidos, porém o look colete e camisa são considerados por alguns estilistas como ultrapassado e antigo por seu caráter formal, a dica, portanto é combiná-los a blusas curtas e mais modernas.
Coletes jeans também estão em alta, invista em lavagens claras e soltas. Para as mais modernas que não tem medo de ousar invistam em coletes com tachinhas, ombros marcado…

Uxi Amarelo - redução de gorduras.

Pesquisa  avalia eficácia de  planta na redução de  gordura  no  fígado, no  AM. Uxi Amarelo se mostra eficaz na redução e até cura de doenças do fígado.
Estudo foi realizado em ratos obesos submetidos à ração experimental.
O Uxi Amarelo (Endopleura Uchi), planta da região amazônica, pode ser utilizada no tratamento da esteatose hepática, doença popularmente conhecida como gordura no fígado. A constatação foi apontada no estudo intitulado 'Indução da esteatose hepática com ração experimental e tratamento com Endopleura Uchi', realizado pela estudante do 8º período do curso de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e bolsista do Programa de Apoio à Iniciação Científica da Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ), Natasha Valois Castelo.
Segundo ela, o estudo científico é pioneiro na área, porque visa melhorar um quadro onde não há tratamento medicamentoso eficiente, e enfatiza a importância da flora amazônica, por se tratar de uma pesquisa que usa uma planta da região qu…

: SENSACIONAL - DIETA DA BANANA! :

Gente, tá uma loucura o assunto da nova dieta da banana, várias pessoas confirmaram a perda de peso.

Receita que vem do Japão mata rapidamente a fome e regula o impulso de comer doces; confira as regras desta receita.
Talvez você já tenha ouvido falar que os japoneses desenvolveram uma dieta sem restrições alimentares que ajuda a emagrecer super rápido. É a dieta da banana matinal, que exige apenas que você coma a fruta, de preferência quatro delas, no café da manha, sempre acompanhada de dois copos de água morna ou chá.

Consumir a iguaria desta forma barra o impulso de comer ao longo do dia, afirma a VIVA MAIS!. O médico japonês Hitoshi Watanabe, especialista em medicina preventiva e idealizador da nova dieta, diz que além de matar rapidamente a fome, a banana carrega enzimas capazes de acelerar a digestão.

“Vale lembrar que ela também é rica em fibras que se ligam a moléculas de água e formam um tipo de gel que cria grande sensação de saciedade”, complementa a nutricionista e fitoterape…